BLOGS:
Shadow

Noticias

Comércio electrónico 2022

Comércio electrónico 2022

Noticias
As principais tendências do comércio electrónico O comércio electrónico está em constante crescimento em Portugal em comparação com os últimos anos. Os consumidores vêm mostrando mais e mais interesses em aproveitar as facilidades, comodidades e os atractivos oferecidos pelo e-commerce. Os sites de anúncios classificados online estão dominando o mercado digital com a forma simples que qualquer utilizador pode inserir anúncios sem custo algum. Promoções, variedade de produtos, entrega em casa, comodidade e facilidade ao pesquisar produtos e preços em diversas lojas virtuais sem sair de casa são alguns dos principais pontos que contribuem para que o consumidor compre pela Internet. De olho neste crescimento do comércio digital, alguns factores devem ser levados em conta...
4,6 milhões de portugueses em lojas online nos primeiros três meses do ano

4,6 milhões de portugueses em lojas online nos primeiros três meses do ano

Noticias
As lojas de comércio eletronico continuam a atrair utilizadores. A prova-lo estão os números da Marktest para o primeiro trimestre de 2014, que apontam para cerca de 4,57 milhões os portugueses que navegaram em lojas online. Fnac, IKEA e Worten continuam a constar do conjunto de sites de maior referência para os consumidores portugueses. No período em análise, o número médio diário de visitantes de lojas de comércio eletrónico situou-se nos 515 mil. Já o número de páginas visitadas saldou-se em 773 milhões, numa média de 169 por utilizador. Em termos de tempo, a Marktest contabiliza em cerca de 6,7 milhões o número de horas dedicado a este tipo de sites ao longo dos três primeiros meses de 2014, o que resulta em cerca de 1 hora e 27 minutos por utilizador. A Fnac ...
Lojas online não cumprem a lei

Lojas online não cumprem a lei

Noticias
Na Internet há empresas que não cumprem prazos de entrega e reembolso e outras não devolvem o montante devido aos seus clientes. Há mesmo uma, a Infigueirahouse, que não entrega o produto. Da análise que fizemos a 37 lojas online, quatro são desaconselhadas. Pela terceira vez realizámos um estudo no qual analisámos o funcionamento de lojas online dedicadas à área da eletrónica e pequenos eletrodomésticos. Das 37 avaliadas, quatro não cumpriram os critérios estabelecidos: Redcoon, Minfo, Infigueirahouse e Alientech. Problemas com o reembolso Redcoon, Minfo, Infigueirahouse e Alientech apresentaram diferentes falhas. A Infigueirahouse não enviou sequer o produto. Realizados três testes, em momentos diferentes, o resultado foi sempre o mesmo: após a encomenda feita – e, em ...
A DECO testou 37 lojas online de eletrónica

A DECO testou 37 lojas online de eletrónica

Noticias
A DECO testou 37 lojas online de eletrónica e pequenos eletrodomésticos e detetou várias violações aos direitos dos consumidores, como o não reembolso de despesas com a devolução dos artigos, tendo chumbado compras em quatro lojas. A associação portuguesa para a defesa do consumidor desaconselha compras online nas lojas Redcoon, Minfo, Infigueirahouse e Allientech, mas aponta ainda outras ilegalidades num estudo que vai ser publicado na próxima edição da Dinheiro & Direitos. Dias depois de efetuar as compras online, a DECO devolveu os produtos às lojas e pediu expressamente o reembolso de despesas de envio e das despesas com a devolução, tal como prevê a lei. "Os três critérios relativos à devolução e ao reembolso -- reembolso do preço dentro do prazo legal de 30 ...
As profissões do futuro

As profissões do futuro

Noticias
Agricultor 'chef' - Ser chefe de cozinha é uma profissão atualmente na moda. O futuro passará pelos chefes que cultivam os próprios produtosPlanificador de identidade digital - Uma pessoa para criar e manter a nossa identidade (ou marca) onlineEnfermeiro de saúde ligada ao meio ambiente - Um enfermeiro para nos ajudar a combater os efeitos nefastos do meio ambiente na saúdeOrganizador da comunidade online - Trabalha para uma empresa, organizando a comunidade online da mesmaCoordenador de cuidados pessoais - Faz a ponte entre o indivíduo e as organizações de saúde e de serviçosArqueólogo digital - Especialista em eliminar o rasto digital de pessoas e empresas Curador - As medicinas alternativas têm um papel cada vez mais preponderante nos cuidados ...
Encontra-se activa a loja virtual do ISPA

Encontra-se activa a loja virtual do ISPA

Noticias
Loja: http://ce.ispa.pt/ O acesso à Loja ISPA pode ser efectuado a partir da página principal do site ISPA utilizando a ligação nele disponível. A Loja ISPA permite a compra on-line, por qualquer utilizador em qualquer localização geográfica, do acervo editorial do ISPA seja em formato físico  (expedição via CTT) seja em formato digital (epub) - brevemente. A Loja Virtual permite também a compra dos artigos que integram o catálogo de merchandising do ISPA. Os pagamentos poderão ser efectuados, através do sistema MB, de cartão de crédito ou contra entrega (no caso dos itens físicos).
Falhas nas compras via net

Falhas nas compras via net

Noticias
O comércio electrónico tem vindo a ganhar cada vez mais adeptos em Portugal. Por ser prático e simples, sem filas nem confusão, os consumidores começam a apreciar este modo de comprar produtos no conforto do lar. A pensar nesta preferência, já há algum tempo que, nos testes publicados no portal da Decoproteste, também são apresentados os preços dos produtos nas lojas ‘online'. Para dar mais garantias aos seus associados, a Dinheiro & Direitos analisou as lojas e dá-lhes uma avaliação. Entre outros critérios, comprou produtos e, poucos dias após os receber, procedeu à sua devolução e pediu o reembolso dos montantes gastos. A Dinheiro & Direitos iniciou esta avaliação em Outubro de 2011, com 15 lojas. Nesta primeira avaliação, foram encontradas cinco empresas que não reembols...
Lojas virtuais lucram vendendo bijuterias… Brasil

Lojas virtuais lucram vendendo bijuterias… Brasil

Noticias
As vendas pela internet não param de crescer, e investir neste setor é uma excelente oportunidade para pequenas empresas. Os negócios voltados para o público feminino são os que mais se destacam nas lojas virtuais. O comércio eletrônico no Brasil faturou mais de R$ 24 bilhões em 2012, segundo a Associação Brasileira do Comércio Eletrônico (Abcomm). e o mercado está cheio de oportunidades para os pequenos. “O mercado vem aquecido já há alguns anos e para 2013 a perspectiva é que isso não seja diferente. De 2009 pra 2012, a participação das pequenas e médias empresas dobrou dentro do comércio eletrônico”, diz Alexandre Miranda, da Abcomm. O engenheiro Eduardo Miranda e a contadora Juliana Bueno não perderam tempo. Os dois se conheceram pela internet, casaram-se, largaram o emprego ...